14 de set de 2010

Passo 13: Ligação elétrica

Pois bem, temos o motor, unidade de controle, baterias e carregadores instalados. Agora só falta interligar estes componentes. Existem vários esquemas possíveis. Estes se dividem em circuíto de potência e de comando.
Eu fiz as ligações conforme este esquema:




No circuito de potência temos que ligar o banco de baterias ao motor, passando por dispositivos de segurança, ao controlador de potência. No meu caso utilizei um cabo de máquina de solda (por ser mais flexível e com boa isolação). 50 mm2 de seção. Do pólo positivo do banco de baterias este cabo segue para um disjuntor térmico. De lá, segue para uma contactora. Esta, quando acionada (quando a chave de ignição do carro é acionada), dá passagem até um fusível. Do mesmo segue até a entrada do controlador de potência. A saída do controlador segue até na conexão positiva do motor.

A linha negativa segue caminho similar, passando por um disjuntor e chegando ao módulo de controle de potência. De lá também será conectado ao motor.

Quanto ao circuito de comando, o mesmo é bastante simples. Observe no esquema acima que a chave de ignição aciona relés que ligam o módulo de potência. Como os relés estão interligados, o acionamento do módulo proibe a conexão dos carregadores. Isto impede que a tensão de rede seja aplicada ao módulo de potência.

O circuito todo é bastante simples e pode ser entendido analisando o esquema. Qualquer dúvida ou sugestão de alteração, por favor, mandem pelo comentário.

Grande abraço

4 comentários:

  1. Marcus disse:

    Parabéns Pimpão!!!

    Muito legal. Muito bacana mesmo. Muito generoso de sua parte compartilhar todo o processo de transformação, e muito importante! É uma forma de driblar o lobby das montadores/petrolíferas contra o carro elétrico.

    Você já deve ter assistido o documentário:
    "Quem Matou o Carro Elétrico?"

    Se não, vale muito a pena ver. Se não encontrar na locadora, tem na rede:

    http://docverdade.blogspot.com/2009/03/quem-matou-o-carro-eletrico-who-killed.html

    Marcus Del Mastro
    mardelmastro@gmail.com

    ResponderExcluir
  2. Mais um comentário, hehehe

    Está vindo uma onde irresistível de motos, scooters e bicicletas elétricas!

    Já são fábricadas dezenas de mlhões por ano. O maior mercado ainda é a China é claro. Mas, já estamos começando a ver chegar no Brasil.

    Abraços

    Marcus Del Mastro
    mardelmastro@gmail.com

    ResponderExcluir
  3. Olá Marcus,
    Obrigado pelo apoio.
    Muito do que aprendi com relação aos carros elétricos retirei da internet. Então achei justo também contribuir. Espero que seja útil para quem ler. E também espero sugestões e críticas.
    Já vi o documentário "Quem matou o carro elétrico". Muito bom. Vale a pena ver.
    Quanto aos veículos elétricos na China: Vai ser monstruoso o avanço. Em reunião com o pessoal de engenharia da WEG tivemos a informação que a China tem como meta produzir 10% de sua frota com tração elétrica, já agora no ano que vem. Eles vão deixar toda a indústria automobilística americana e européia a ver navios. Pode apostar nisto.
    abraço
    Pimpão

    ResponderExcluir
  4. Magnífico ! Como acontece com o sistema operacional GNU/Linux, Open Source Baby !!! Elegante, Simples, Eficiente, Limpo, até poético eu diria ! Muito nobre este atitude, tens meu respeito ! já salvei aqui para uso futuro !

    ResponderExcluir