22 de set de 2010

Dia sem Carro em Blumenau

Fiquei muito feliz quando fui convidado a participar com o meu Gurgel elétrico do "Dia sem Carro", aqui em Blumenau. Me prontifiquei a comparecer ao centro da cidade, em frente a praça Dr. Blumenau, onde várias atrações estariam conscientizando a população com relação a poluição gerada pelos carros convencionais.

Apesar do esforço de algumas autoridades de trânsito e outras entidades, infelizmente, a ação mostrou pouca adesão pela população.
Muitos não sabiam do "Dia sem Carro" e de seu apelo de não utilizar o seu veículo nesta data. Outros não queriam abrir mão do seu conforto.
Outros aínda não tinham como abrir mão do uso do carro em função de utilização profissional.

Para piorar, o dia amanheceu chovendo. O trânsito ficou mais intenso do que nos dias normais e piorou em função do fechamento de uma das principais vias do centro da cidade, justamente fechada para a comemoração da data em questão. O evento foi parcialmente cancelado e a rua novamente aberta ao trânsito.

Penso que poderíamos mudar, não a data, mas a celebração desta para o final de semana. Então seria mais fácil convencer as pessoas a aderirem ao dia sem carro. Sem o stress de ter que ir ao trabalho ou à escola. Sem o stress de ter que cumprir horários. O fechamento da principal via do centro da cidade não acarretaria transtornos e a ação seria mais bem aceita e recebida pela população.

O convencimento de mudar a forma de utilização do carro, e também do tipo de carro, será um trabalho prolongado e de muita paciência. Afinal, por décadas a mídia tem insuflado na cabeça do cidadão que, bom mesmo, é andar de carro. Bom mesmo, é ter um carro rápido, gastador e grande. Não iremos mudar este conceito, altamente enraizado, de forma rápida e simplista. Mas é hora de começar. Com cuidado e inteligência pois o trabalho das montadoras é continuar fazendo o contrário.

Parabéns aos organizadores e participantes!

Um comentário:

  1. Tem que mudar o Dia sem carro para o Dia do carro elétrico e em um fim de semana realmente seria o ideal !

    ResponderExcluir